Loading...

sábado, 27 de março de 2010

Ícone do rock brasileiro, Renato Russo faria 50 anos neste sábado



Neste sábado (27) Renato Russo completaria 50 anos de idade. O cantor e compositor morreu no dia 11 de outubro de 1996 de complicações de saúde decorrentes da AIDS.




      Com a banda Legião Urbana, surgida em 1983 e que tinha ainda o guitarrista Dado Villa-Lobos e o baterista Marcelo Bonfá na formação, Renato Russo se transformou em um dos principais ícones do rock brasileiro das últimas três décadas.

      O grupo conquistou uma multidão de fãs ardorosos com músicas hoje consideradas clássicos do repertório pop nacional como "Será", "Geração Coca-Cola", "Que País é Este?", "Eduardo e Mônica" e "Faroeste Caboclo", entre outras, cujas letras podiam trazer críticas à sociedade brasileira ou histórias centradas em relacionamentos.
      Com o grupo, Renato gravou oito álbuns. Em 1994, o cantor lançou seu primeiro disco solo, "The Stonewall Celebration Concert", que seria seguido por mais dois títulos: "Equilíbrio Distante" (1995) e "O Último Solo" (1997). Em 2003, foi lançado o disco "Presente", sucedido pelo disco "Trovador Solitário" (2008), com gravações até então inéditas do cantor.
      Ainda hoje, quase 14 anos após sua morte, Renato Russo mantém-se como um ídolo em todo o país. Os admiradores de sua obra fazem parte da geração que acompanhou o surgimento da Legião Urbana, ainda no começo da década de 80, e também os adolescentes de hoje, nascidos naquela época.

Em 2009, a gravadora da Legião Urbana, a EMI, desmentiu boatos de que Dado e Bonfá reformariam a banda. No começo de 2010, a gravadora anunciou que pretende relançar a discografia da Legião em vinil. Os discos ainda não têm data de lançamento definida.

      No sábado em que se comemora o aniversário do cantor, chega às lojas a compilação "Duetos", com gravações de Renato ao lado de nomes como Dorival Caymmi, Herbert Vianna e Leila Pinheiro. Uma das canções do álbum é "Like a Lover", dueto póstumo com Fernanda Takai que é uma versão em inglês para a música "O Cantador", composta por Dori Caymmi e Nelson Motta e gravada por Sergio Mendes nos anos 60.
      Outra homenagem ao cantor acontece no programa "Altas Horas", da Rede Globo. Na atração, O guitarrista Dado Villa-Lobos e o baterista Marcelo Bonfá vão se apresentar juntos na TV pela primeira vez desde o fim do grupo, em 1996.

quarta-feira, 10 de março de 2010

O povo apenas transfere livremente para o rei o poder que não domina totalmente: nomeadamente o de arbitragem [...] e de decisão rápida.


Baruch Espinoza